sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Arquitetura de Informação sem Wireframe

GONZATTO, Rodrigo Freese; COSTA, Karla da Cruz. Arquitetura de Informação sem Wireframe. Perspectivas em Gestão & Conhecimento, João Pessoa, v. 1, número especial, p. 160-181, out. 2011. Disponível em: <http://periodicos.ufpb.br/ojs2/index.php/pgc/article/view/10793/6089>. Acesso em: 11 dez. 2011.

Resumo
Neste artigo é proposto o debate sobre o uso do wireframe, muitas vezes considerado o centro da Arquitetura de Informação. A escolha pela utilização deste documento deve acontecer de forma planejada e não por consequência da naturalização do wireframe como fundamento da Arquitetura de Informação. Para tal, buscamos compreender a atividade do arquiteto da informação, as características e usos do wireframe, suas vantagens e desvantagens. Por fim, são levantadas alternativas ao wireframe tradicional, explorando questões de documentação, colaboração e comunicação. Questiona-se a centralidade no wireframe para que a disciplina não seja subestimada ao ser confundida com um entregável.

Palavras-chave: Arquitetura de Informação. Wireframe. Documentação.

Nenhum comentário:

 
Copyright 2009 Arquitetura da Informação Digital. Powered by Blogger Blogger Templates create by Deluxe Templates | Blogger Styles | WP by Masterplan